Receitas para gestantes

0
A gestação é uma fase maravilhosa na vida de uma mulher, afinal ela está gerando e nutrindo uma nova vida que em breve irá alegrar a todos com seus primeiros passos e sorrisos.

No entanto, a mulher deve sempre ter cuidado com a alimentação, antes, durante e depois da gestação para manter-se saudável e garantir que o bebê tem todos os nutrientes necessários para seu desenvolvimento e não está recebendo elementos impróprios.

A dieta da gestante deve ser equilibrada e contar com todos os tipos de alimentos. Quando necessário, o médico e um nutricionista podem pedir à mulher que complemente sua alimentação com vitaminas, ácido fólico e nutrientes necessários. Normalmente a alimentação também pode contribuir com um tratamento de fertilidade e também com incômodos comuns na gravidez.

Enjoo e inchaço

Alguns alimentos e receitas práticas podem aliviar alguns sintomas desagradáveis da gravidez, como os enjôos, que ocorrem especialmente pela manhã nos primeiros meses de gestação. Uma forma prática de evitar o desconforto é comer uma ou duas bolachas água e sal ou torradas lentamente antes de sair da cama.

Algumas frutas também podem ajudar a diminuir os enjôos, como banana nanica, abacaxi, caqui e a laranja-pera. Espinafre, rúcula, escarola e carnes magras como peixe e frango também ajudam a manter a dieta equilibrada e afastam os enjôos.

O sal é um grande vilão na alimentação em geral e especialmente durante a gravidez. O sal ajuda a reter líquidos e isso pode causar inchaços na gestante, que já está lidando com uma alteração de peso e de ponto de equilíbrio com a barriga crescendo. Utilizar o mínimo possível do tempero é uma boa dica para as gestantes.

Alimentos essenciais

A dieta da gestante deve ser balanceada e conter diversos tipos de alimentos. Assim não só ela garante a nutrição do bebê como também não ganha mais quilos do que deveria comendo doces e frituras em demasia. Os alimentos que não podem faltar na alimentação da futura mamãe são:

  • Leite e derivados;
  • Couve, espinafre ou brócolis;
  • Carnes ou ovos;
  • Feijão ou castanhas;
  • Carboidratos.

Quando possível, é importante buscar a orientação nutricional antes mesmo de engravidar. Porém, quando a gravidez ocorre de forma inesperada, é importante buscar um profissional assim que possível, garantindo a nutrição da mamãe  do bebê e cuidando para ter uma gestação saudável para os dois.

Vídeo mostra como fazer bolos no pote e ganhar dinheiro com isso

Compartilhe:
Dê sua nota:
Não gosteiRegularBoaÓtimaMaravilhosa (Nenhum voto)
Loading...

Deixe um comentário